quinta-feira, 5 de março de 2009

PARA BEBER ANTES DE MORRER: CAROL COCKTAIL

Foi só hoje que me dei conta que, apesar dos temas food e drink constarem no descritivo do meu blog, você possa talvez não ter lido nenhum post sobre o assunto.

Eu gostaria de dizer que, apesar de ter postado receitas e drinks aqui desde fevereiro, descobri hoje que, por um erro bobo de configuração do meu blog, tudo que possuia uma formatação um pouco mais complicada (como é o caso de receitas), o E-Blogger não reconheceu como post e acabou não publicando.

Mas, claro, isso é o que eu GOSTARIA de dizer.

A verdade é que eu fui omisso mesmo e esqueci completamente de acrescentar pitadas gastronômicas e etílicas no blog. E isso é algo que pretendo mudar a partir de agora.

Por isso, queria começar com um drink muito agradável, meio que primo do Manhattan, mas muito pouco conhecido: o Carol Cocktail.

Não sei a origem do nome (so sorry), mas essencialmente ele é uma mistura de vermuth tinto (aquele Martini Rosso, por exemplo) com conhaque. Eu particularmente curto jogar umas gotas de angostura na mistura (rimou) só pra dar um toque mais amargo pro troço, mas isso não entra na receita original.

De qualquer forma, o vermuth tinto e o conhaque combinam muito bem, e o resultado é um drink que é suave, mas tem personalidade. Existem muitas receitas diferentes, como pra qualquer drink (MENOS o dry martini, que não aceita deslises), mas EU particularmente curto a seguinte:

1 parte cognac
1/2 parte vermuth tinto
gotas de Angostura Bitters

Numa coqueteleira, coloque 3 pedras de gelo, os ingredientes, e misture.

Sirva em uma taça de martini e acrescente uma cereja*.





É uma diliça. Bebe aê.

* apesar da foto, a cereja é pra ficar DENTRO do copo.

Um comentário:

elbugz disse...

O que eu acredito que você queria dizer é; a cereja que está fora do copo é meramente uma decoração, sendo assim, um opcional, e que se deve, igual a foto, colocar a cereja dentro né?